Jane Austen é destaque em Lisboa

portugal

Hoje à tarde em Lisboa aconteceu um colóquio ´Jane Austen 200 . Portugal´, sob a coordenação de Rogério Miguel Puga. O evento  foi sediado na Biblioteca Nacional de Portugal e mais adiante publicarei notícias sobre as palestras que ocorreram lá.

“O congresso de um dia “Jane Austen 200. Portugal”, organizado pelo CETAPS (FCSH-NOVA) e pela Biblioteca Nacional de Portugal, pretende assinalar os 200 anos da morte da conhecida autora britânica Jane Austen (1775-1817), juntando especialistas em torno da sua obra, bem como da tradução desses textos para português. A par das várias palestras (10 de Maio), haverá um exposição bibliográfica na Biblioteca Nacional (10 Maio), bem como a posterior publicação de um catálogo com os textos apresentados e a lista de traduções de obras da autora para português.”

PROGRAMA:

– Álvaro Pina (Universidade de Lisboa): “Jane Austen: A Arte do Romance”;

– Caroline Jane Knight (descendente de Jane Austen, fundadora da Jane Austen Literacy Foundation. Participação via vídeo, desde a Austrália): “A Jane Austen Literacy Foundation e o livro “Jane and Me” (2017)”;

– Rita Lacerda Watts (Jane Austen Society of North America, Georgia Chapter): “Jane Austen e os Seus Fãs (Fandom) Duzentos Anos Depois”;

-Isabel Canhoto (Mestre pela Universidade de Lisboa, investigadora e tradutora): “The Finest Young Women in the Country: Relação Indivíduo-Sociedade nas Obras de Jane Austen”;

 

– Ana Daniela Coelho (Universidade de Lisboa): “‘A Truth Universally Acknowledged?’ Adaptações de Pride and Prejudice para Televisão e Cinema”;

– Alexandra Lopes (Universidade Católica): “Primeiras Impressões. Traduzir Austen em Contexto português”;

– Cláudia Neves (Mestre pela Universidade Católica): “Jane Austen em Português: As Formas de Tratamento nas Traduções de “Persuasion” em Portugal”;

– Margarida Esteves Pereira (Universidade do Minho): “Becoming Jane e Miss Austen Regrets: Representações e Projeções de Jane Austen no Filme Biográfico”;

– Rogério Miguel Puga (Universidade Nova): “O Falatório (como controlo patriarcal) Face a Condutas Femininas Transgressoras na Novela Epistolar Lady Susan (c.1794), de Jane Austen”.

Fonte: Evensi

 

 

 

 

Anúncios

Manuscritos de Jane Austen

manuscprit.jpg

Outro dia uma pessoa me pediu auxílio para pesquisar os manuscritos de Jane Austen e percebi que não havia divulgado aqui no blog. Portanto, eis aqui o projeto que colocou na Internet os manuscritos de ficção de Jane Austen.

Em 2009 a Morgan Library realizou uma exposição lá em Nova York.

Este ano, como parte das homenagens aos 200 anos de morte de Jane Austen, a Biblioteca Britânica também está com uma exposição “Jane Austen Among Family and Friends” – desde 10 de janeiro até 19 de fevereiro de 2017.

Uma Janeite amiga, a Luciana Campelo, esteve em Londres agora em janeiro e comprovou de perto a exposição. Segundo Luciana, “a exposição é uma fantástica oportunidade de ficar bem pertinho das cartas de Jane Austen!” “Foi muito emocionante“, acrescenta.

 

british-library-jane-austen-volume-the-second-c-british-library

Exposição Jane Austen – Vida e Obra

Abaixo o slideshow das fotos:

Para visualizar as fotos em fullscreen é só clicar na barra acima (lado direito)

Conforme o prometido, após um mês de exibição, hoje apresento à vocês as imagens da Exposição Jane Austen – Vida e Obra. A exposição foi parte de um projeto em parceria com a Biblioteca Pública de Minas Gerais, onde eu fiz uma palestra sobre a vida e a obra de Jane Austen (21 de junho de 2011) e parte do meu acervo pessoal ficou em exposição por 30 dias (de Junho a Julho) no segundo andar da Biblioteca Pública Luiz de Bessa (Praça da Liberdade – Belo Horizonte).

O quadro em patchwork embutido foi feito por mim durante um curso aqui em Beagá! 🙂

Obrigada à todas as pessoas que visitaram a exposição e/ou estiveram na palestra! 

Últimos dias da exposição Jane Austen

A exposição em comemoração ao bicentenário de Razão e Sensibildiade ficará na Biblioteca Pública de Minas Gerais (Praça da Liberdade, segundo andar) até o dia 15/07.

As obras em exposição fazem parte do meu acervo pessoal. Abaixo, algumas imagens para vocês conhecerem um pouco. Estou esperando uma câmera com melhor qualidade chegar para que eu possa tirar fotos melhores!

Visitas até às 17:00 do dia 15/07
Biblioteca Pública Luiz de Bessa
Praça da Liberdade, 21 
2o andar – Coleção Mineirinha

Exposição e Palestra sobre Jane Austen

convido à todos que estejam em Belo Horizonte amanhã 21/06 para comparecerem à Biblioteca Pública de Minas Gerais, situada à Praça da Liberdade (prédio novo) para uma palestra sobre Jane Austen. Em seguida, eu farei a abertura de uma exposição sobre a autora, com meu acervo pessoal. A exposição vai até meados de julho/2011 e faz parte das comemorações das JASBRA em homenagem aos 200 anos de Razão e Sensibilidade!

Museu britânico promove exposição de figurinos de cinema

“O Fashion Museum, localizado na cidade inglesa de Bath, recebe, entre os dias 12 de julho e 29 de agosto, a exposição Dressing the Stars: British Costume Design at the Academy Awards, exibição que reúne figurinos britânicos de grandes filmes premiados no Oscar nos últimos 50 anos. Aproximadamente quarenta peças integrarão a mostra, que também contará com entrevistas e depoimentos de estilistas envolvidos no processo de criação das roupas.
“Desde a primeira leitura do script até as conversas com os diretores e atores, o processo de criação e interpretação das roupas é bastante árduo e difícil, mas extremamente gratificante”, explicou Yvonne Hellin-Hobbs, curadora da exibição. “Outros eventos também estão programados para acontecer enquanto a exposição estiver em cartaz, como a exibição dos filmes em cinemas locais e o debate com figurinistas e designers responsáveis pelas peças vistas nas telonas”, completou.
O Discurso do Rei (2010), A Duquesa (2008), Elizabeth, A Era de Ouro (2007), Piratas do Caribe (2003), Razão e Sensibilidade (1995), Shakespeare Apaixonado (1998) e A Mulher do Tenente Francês (1981) são exemplos de filmes que contribuem para o sucesso do figurino britânico no cinema internacional e também integram a exposição.”

Fonte: modaspot.com

Mais fotos:

Revistando a Regência

Ao visitar o blog da amiga Deb ‘Jane Austen in Vermont‘ encontrei um post sobre uma exposição na Biblioteca The Huntington (Califórnia – USA) chamada ‘Revisitando a Regência: Inglaterra, 1811 – 1820 (Revisiting the Regency: England, 1811-1820. A abertura será no dia 23 de abril e vai até dia 1o de agosto/2011.

Exposição de livros que foram lidos por Jane Austen

Godmersham Park Library
Segundo informação de @pemberleydotcom via Twitter, nos dias 7 e 8 de outubro de 2010 será realizada a exposição Jane Austen’s Reading at Chawton and Godmersham Park, que irá mostrar uma coleção de livros que Jane Austen leu entre os anos de 1809 e 1917, em especial, livros que pertenceram à Godmersham Park Library, em Kent, cujo dono era Edward, irmão da escritora.
Chawton House Library
Os livros pertencem agora à Chawton House Library (antiga Chawton Great House – um solar elisabetano a cinco minutos de Chawton House – onde Edward e seus filhos passavam o verão), e por somente três dias estarão expostos em Godmersham Park, juntamente com uma série de manuscritos. Haverá, ainda, no dia 9 do mesmo mês, três palestras que terão como temas os livros que a escritora leu, a história dos pocket books e os leitores de Jane Austen que viveram de 1811 a 1945.
O flyer em inglês da exposição pode ser visualizado aqui.

Artefatos raros em Winchester

Artefatos raros da vida de Jane Austen, incluindo poemas escritos à mão e as primeiras edições de seus livros, estão em exposição em Winchester.

A Catedral de Winchester, onde a escritora está sepultada, começou um a exposição que vai até dia 20 de setembro. Sendo o primeiro de uma série de eventos em comemoração do bicentenário da morte de Jane Austen em 2017.
A exibição, ao lado de sua sepultura, mostra poemas escritos por Jane Austen sobre sua amiga Mrs Lefroy, as primeiras edições de Emma em três volumes de 1816, além de Northanger Abbey e Persuasion publicados juntos em 1818. Está também na exposição a nota escrita à mão pelo irmão de Austen, Henry, com as orientações sobre a inscrição que se encontra hoje no túmulo de Jane Austen.
Os poemas e a nota escrita por Henry pertencem à Winchester College. Esses artefatos nunca sairam da faculdade desde que foram doados à instituição na década de 30.

Austen no Modern Library & Museum

Retrato idealizado de Jane Austen (anônimo do século XIX)
Art Tattler é uma página que apresenta imagens das principais exposições que ocorrem nos museus dos Estados Unidos. Há, inclusive, uma parte dedicada ao Morgan Library & Museum, onde ocorre atualmente a exposição A Woman’s Wit: Jane Austen’s Life and Legacy, já comentada aqui no blog. Abaixo, algumas imagens que selecionei da exposição:

Cena de Orgulho e Preconceito, por Isabel Bishop (1902-1988)
Retrato de Mrs. Q, pintado pelo poeta inglês William Blake (1757-1827). Quando Jane Austen viu o retrato em Londres, disse que era exatamente assim que imaginava Jane, a irmã de Elizabeth Bennet em Orgulho e Preconceito
Carta de Jane para sua irmã Cassandra, datada de 2 de junho de 1799

Carta de Jane para Cassandra, em 2 de junho de 1799

Carta de Jane para Cassandra, com data de 8-9 de fevereiro de 1807. Repare que, para economizar papel, Jane escrevia verticalmente por cima do que já havia escrito.

Escrita pela própria Jane Austen em 1817, a lista acima mostra os lucros obtidos através de seus romances

Carta de Cassanda para a sobrinha Fanny Knight falando sobre a morte de Jane, datada de 20 de julho de 1817: “Perdi um tesouro, uma irmã e amiga como nunca mais voltarei a ter”