Homenagem ao Legado de Jane Austen

A Jane Austen Sociedade do Brasil, em parceria com a Academia Mineira de Letras @amletras – tem o prazer de oferecer uma Homenagem ao Legado de Jane Austen! Evento gratuito e sem necessidade de inscrição! Será no dia 18 (data da morte da escritora) de julho às 19:30 na sede da Academia Mineira de Letras, localizada à Rua da Bahia, 1466, Belo Horizonte – MG. Serão emitidos certificados digitais aos participantes. Evento realizado com o apoio do grupo de pesquisas @mulheres_edicao e @anadigital do Posling do @cefetmg #janeaustenbrasil #poslingcefetmg #mulheresnaedição #janeaustensociedadedobrasil #legadodejaneausten #janeaustensocietyofbrazil #amletras #agendaamletras

Eventos sobre Jane Austen na Academia Mineira de Letras


Relembrando a tarde de sexta-feira (17 de junho) quando realizei uma reunião com o Rogério Tavares (diretor) e Ines Rabelo, ambos da Academia Mineira de Letras @amletras 📚 Naquela tarde auspiciosa firmamos parceria para os futuros eventos da #janeaustenbrasil 📚 O primeiro será uma homenagem ao legado de #janeausten no dia 18 de julho. Em dezembro, realizaremos o #janeaustenday como parte do 8o Encontro Nacional da #jasbra 🎉 faremos nosso #janeaustendaybrazil #janeaustendaybrasil com muitas novidades! Aguardem! Parceria com o grupo de pesquisa @mulheres_edicao e a super @anadigital Esses eventos têm tudo para ser um sucesso! Aguardem novas publicações! #janeaustensociedadedobrasil #janeaustensocietyofbrazil #academiamineiradeletras #amletras #agendaaml #encontronacionaljasbra

MINICURSO DE FÉRIAS: JANE AUSTEN E AS QUATRO ESTAÇÕES

Inscrições aqui.

MINICURSO DE FÉRIAS: JANE AUSTEN E AS QUATRO ESTAÇÕES

Ministrante: Profa. Dra. Adriana Sales

O minicurso apresentará o panorama da vida e obra de Jane Austen, proeminente escritora inglesa do século 19, bem como as principais características dos seis romances escritos por ela. Veremos como a passagem do tempo, as estações do ano e suas nuances, tornam-se elementos importantes na construção das personagens e na tessitura das narrativas das seis principais obras de Jane Austen. 

Objetivo

Apresentar a vida e as obras de Jane Austen e suas nuances com relação às estações do ano.

Aula 1 – 04/07/2022

  • Panorama da vida e obra de Jane Austen
  • Verão: Emma

Aula 2 – 07/07/2022

  • Outono: Razão e Sensibilidade
  • Inverno: Mansfield Park

Aula 3 – 11/07/2022

  • Inverno: Persuasão
  • Primavera: Abadia de Northanger

Aula 4 – 14/07/2022

  • Primavera: Orgulho e Preconceito
  • Considerações finais e encerramento

Minicurso

Aulas síncronas às segundas-feiras e quintas-feiras de julho de 2022, das 19h30 às 21h30, com exposição, análise e discussão sobre as obras de Jane Austen. Haverá leituras compartilhadas pela mídia do Classroom da turma, com acesso aos textos do curso, antes das aulas síncronas.

Avaliação 

Frequência e participação nas discussões e atividades propostas durante o curso.

Ministrante 

Adriana Sales é Doutora em Estudos Linguísticos pela Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais. É especialista em Jane Austen pela Universidade de Oxford (2010). Atualmente é professora de inglês e suas literaturas no Ensino Médio e Graduação em Letras do Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (CEFET-MG). É fundadora e presidente da Jane Austen Sociedade do Brasil desde 2008.  

E-mail: aszardini@gmail.com

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/44023205974506

A listagem com as referências bibliográficas será enviada aos participantes do minicurso.

Minha pequena contribuição para The Routledge Companion of Jane Austen

Minha amiga Laaleen Sukhera (Jane Austen Society Pakistan) escreveu um capítulo para o livro 'The Routledge Companion to Jane Austen', editado por Cheryl Wilson & Maria Frawley (2022). Essa edição tem 600 páginas incluindo o capítulo de Laaleen'Global Jane Austen: Obstinate, headstrong Pakistani' (páginas 468 a 480). 
A seguir, um trecho de uma entrevista que concedi à Laaleen por ocasião da escrita deste capítulo. 

MINICURSO – Jane Austen & Louisa May Alcott: Literatura, Cinema e Psicanálise

MINICURSO 

Jane Austen & Louisa May Alcott: 

Literatura, Cinema e Psicanálise

Profa. Dra. Natália Leite e Profa. Dra. Adriana Sales 

ERRATA: anteriormente foi publicado aulas às quintas de 20 às 21:30. Esta informação está correta. Porém, as datas das aulas é que saíram erradas. O correto é: 19 e 26 de maio, 2, 9 e 16 de junho. OBRIGADA pela compreensão!

O minicurso versará sobre algumas obras das escritoras Jane Austen (Orgulho e preconceito, Razão e Sensibilidade) e Louisa May Alcott (Mulherzinhas [Adoráveis Mulheres]), adaptadas para o cinema. Teorias Freudianas e Lacanianas serão o contraponto para a análise das obras para o cinema.

INSCRIÇÕES AQUI.

Curso on-line pela plataforma Google Meet, Turma virtual no Google Classroom.

O curso será gravado e ficará à disposição dos participantes.

Objetivos: 

  • Conhecer as vidas e obras de Jane Austen (Orgulho e Preconceito, Razão e Sensibiidade) e a Louisa May Alcott (Mulherzinhas). 
  • Analisar a transposição dessas obras para o cinema sob o viés literário e psicanalítico. 
  • Explorar as potencialidades da transposição do texto literário para as telas,  ensejando a reflexão e discussão de temáticas contemporâneas através das contribuições da psicanálise Freudo-lacaniana.

Conteúdo programático e cronograma

Os filmes que serão analisados estão disponíveis nas plataformas Netflix e Amazon Prime:

  • Orgulho e Preconceito (2005)
  • Razão e Sensibilidade (1995)
  • Adoráveis Mulheres (2017)

[ 1 ] 19/05/2022

  • Introdução ao curso
  • Seleção dos livros e das um suas adaptações para o cinema
  • O livro e a tela: experiência de leitor / espectador 
  • A teorias da psicanálise no curso – ferramentas e limitações

[ 2 ] 26/05/2022

  • Perspectiva histórica: Orgulho e Preconceito (1813 / 2005) – do livro para a tela
  • (Des)caracterização das personagens
  • (Des)Construção do amor romântico

[ 3 ] 02/06/2022

  • Perspectiva histórica de Razão e Sensibilidade (1811 / 1995) – do livro para a tela
  • Diários de roteiro da Emma Thompson
  • A (des)construção das personagens: dualidades

(Freud explica; Lacan desconstrói) 

[ 4 ] 09/06/2022

  • Perspectiva histórica de Mulherzinhas (1868 / 2017) – do livro para a tela
  • Ser mulher e o feminino: sexo e tabus
  • A emancipação (?) da mulher escritora no século 19 

[ 5 ] 16/06/2022

  • Mulheres ao longo do tempo: mulheres do século 19 e as da contemporaneidade
  • Literatura, cinema e psicanálise: letras, telas e divãs…

Metodologia: Encontros virtuais às quintas-feiras dos meses de maio e junho de 2022, das 20:00 às 21h30. 

Adriana Sales é Doutora em Estudos Linguísticos pela Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais. É professora e pesquisadora de inglês e suas literaturas no Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais. É especialista em Jane Austen pela Universidade de Oxford. É fundadora e presidente da Jane Austen Sociedade do Brasil (JASBRA),  desde 2008. 

E-mail: aszardini@gmail.com

Curriculo Lattes: http://lattes.cnpq.br/4402320597450647

Natália Leite é Doutora em Estudos Linguísticos pela Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais. É professora e pesquisadora  em Letras no Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais. Especialista em psicanálise pelo Instituto de Psicanálise Lacaniana (IPLA). 

E-mail: nataliacostaleite@gmail.com

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/8771481342037591 

Referências

AZERÊDO, G. Para Celebrar Jane Austen – Diálogos entre Literatura e Cinema. Curitiba: Editora Appris, 2013. 

BARTUCCI, G. Psicanálise e estéticas de subjetivação. In: BARTUCCI, G. (org). Psicanálise, cinema e estéticas de subjetivação. Rio de Janeiro: Imago,  2000. 

BIRMAN, J. Estilo e modernidade em psicanálise. São Paulo: Ed. 34, 1997.  

BIRTWISTLE, S.; COKLIN, S. The Making of Pride and Prejudice. London: Penguin Books, 1995. 

BYRNE, P. The Genius of Jane Austen – Her Love of Theatre and Why She Works in Hollywood. London: Harper Perennial, 2017. 

CARTMELL, D. Screen Adaptations – Jane Austen’s Pride and Prejudice. London: Methuen Drama, 2010.

FREITAS, P. M. From Novel to Film: The Transportation of Some Character Roles in Emma Thompson’s Screenplay of Sense and Sensibility. Dissertação de Mestrado em Literaturas de Língua Inglesa. Faculdade de Letras, UFRGS, 2013. Disponível em: https://lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/72749/000884499.

pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso em: 15 abr. 2022. 

FREUD, S. Edição Standard Brasileira das Obras Completas – ESB. Rio de janeiro, RJ: Imago, 1996. 

LAPLANCHE, J.; PONTALIS, J. Vocabulário de Psicanálise. São Paulo: Martins Fontes, 2008. 

KECK, M. Changing Iconologies in Twentiefh Century Filmes: Three Versions of Alcott’s Little Women. In: Providence University English Festival, Taiwan. Proceedings… Taiwan; Providence University, 2009.

KINOSHITA, P. Jane Austen – Versões Contemporâneas de Orgulho e Preconceito. Curitiba: Editora Appris, 2016. 

LE FAYE, D. Jane Austen – The World of Her Novels. New York: Frances Lincoln Limited, 2002.

NUGROHO, F. A.; NUGROHO, A. Feminism in the Movie of Little Women by Greta Gerwig. Journal of English Education, v. 6, n. 2, 2020. 

PARRIL, S. Jane Austen on Film and Television – A Critical Study on the Adaptations. Jefferson: McFarland & Company Publishers, 2002.

RIVERA, T. Cinema, imagem e psicanálise. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2008.

SAMPAIO, C. O cinema e a potência do imaginário. In: BARTUCCI, G. (org). Psicanálise, cinema e estéticas de subjetivação. Rio de Janeiro: Imago, 2000

THOMPSON, E. The Sense and Sensibility Screenplay & Diaries – Bringing Jane Austen’s Novel to Film. New York: Newmarket Press, 1995. 

TROOST, L.; GREENFIELD, S. (ed.). Jane Austen in Hollywood. Kentucky: The University Press of Kentuchy. 2nd Edition, 2001. 

WEINMANN, A. O. Sobre a análise fílmica psicanalítica. Revista Subjetividades, v.17, n.1, p. 1-11, 2017. 

WILTSHIRE, J.; MONAGHAN, D.; HUDELET, A. The Cinematic Jane Austen: Essays on the Filmic Sensibility of the Novels. Jefferson: McFarland & Company Publishers, 2009.

WILTSHIRE, J. Recreating Jane Austen. Cambridge: Cambridge University Press, 2001. 

Minicurso Uma Análise Comparativa entre as Obras de Austen e Machado

Para inscrições, clique aqui.

Valor : 120, 00 (reais)

Ementa: Uma análise comparativa entre algumas obras da brilhante escritora inglesa, Jane Austen e narrativas do Bruxo do Cosme Velho, Machado de Assis. O foco são as características das personagens masculinas e femininas, tanto em relação ao contexto de época, quanto às características de vanguarda que quebraram paradigmas e expectativas em relação aos seus comportamentos.

Objetivo: Estudar de forma comparada as personagens de algumas das mais importantes narrativas de Jane Austen e de Machado de Assis.

Conteúdo programático e cronograma:

Aula 1 – 10/05/202219h30 – 21 horasIntrodução e cronograma do cursoPanorama da biografia e da cronologia literária de Jane Austen e de Machado de Assis
Aula 2 – 17/05/202219h30 – 21 horasAnálise de alguns estudos comparativos sobre os dois autores
Aula 3 – 24/05/202219h30 – 21 horasEmma (1815), de Jane Austen e Iaiá Garcia (1878), de Machado de Assis, as personagens, a burguesia e as convenções sociais.
Aula 4 – 31/05/202219h30 – 21 horasPersuasão (1818), de Jane Austen e Helena (1876), de Machado de Assis personagens, percepção do amor e do casamento na sociedade da época

Metodologia: Aulas síncronas às segundas-feiras do mês de maio de 2022, das 19h30 às 21h00, com exposição e discussão do conteúdo programático. Leituras compartilhadas através do Google Meet ou do Zoom da turma. Acesso aos textos e materiais do curso, antes das aulas síncronas, para leitura prévia.

Avaliação: Frequência e participação nas discussões e atividades propostas no curso.

Sobre os ministrantes:  

Adriana Sales é Doutora em Estudos Linguísticos pela Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais. É professora de inglês e suas literaturas no Ensino Médio e Graduação em Letras do Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (CEFET-MG). É especialista em Jane Austen pela Universidade de Oxford (2010). É fundadora e presidente da Jane Austen Sociedade do Brasil desde 2008. E-mail: janeaustensociedadedobrasil@gmail.com Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/44023205974506Orcid: https://orcid.org/0000-0002-5544-6996
Amilcar Santos é doutorando em Ciências da Educação, na especialidade de Desenvolvimento Curricular, no Instituto de Educação da Universidade do Minho, em Portugal. É professor de português e literaturas lusófonas. Além de pesquisador sobre currículo e avaliação institucional, é parecerista de cursos superiores no Brasil e em Portugal. Estudioso de literatura e ensino, adaptação fílmica e tradução intersemiótica, é fundador do Nota Total – página sobre educação. E-mail: amillcar@gmail.comCurriculo Lattes: http://lattes.cnpq.br/6092607703163228Orcid: https://orcid.org/0000-0001-5848-4771LinkeIn: www.linkedin.com/in/amilcar-santos 

Referências indicadas:

ANDRADE, J. A. OLIVEIRA, R.N. Personagens femininas na obra machadiana. Disponível em: http://www.educadores.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/2010/artigos_teses/2010/Lingua_Portuguesa/artigo/perso_fem_machado.pdf. Acesso em: 15 de abril de 2022.

AUSTEN, J. Persuasion. New York: Oxford University Press. 2004.

AUSTEN, J.; ZARDINI, A. S. Emma. São Paulo: Martin Claret: 2018. 

AUSTEN, J; FERREIRA, R. L. Persuasão. São Paulo: Martin Claret, 2018.

AUSTEN-LEIGH, J. E. Uma memória de Jane Austen. Vitória: Pedra Azul. 2014.

BLOOM, H. (Ed.) Bloom’s Modern Critical Interpretations – Jane Austen’s Persuasion. New York: Chelsea House. 2004.

BLOOM, H. O cânone ocidental: os livros e a escola do tempo. Rio de Janeiro: Objetiva, 2001.

BYRNE, P. A Verdadeira Jane Austen: Uma Biografia Íntima. Porto Alegre: LPM. 2018. ​

CANDIDO, A. Iniciação à Literatura Brasileira. Rio de Janeiro: Ouro sobre azul, 2007.

LIMA, G. S. Machado de Assis e Jane Austen na história da literatura. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/emblemas/article/download/11503/7546/44737. Acesso em: 15 de abril de 2022.

LOBATO, A. O feminino nas mulheres de Machado de Assis. Disponível em: https://www.sinjus.org.br/o-feminino-nas-mulheres-de-machado-de-assis. Acesso em: 15 de abril de 2022.

MACHADO DE ASSIS . Iaiá Garcia. São Paulo: Edigraf, 1963.

MACHADO, R. C. M. ; SILVA. T. F. Iaiá, Valéria e Estela: as personagens femininas em Iaiá Garcia, de Machado de Assis. Disponível em: https://www.revistacontemporaneos.com.br/n10/dossie/iaia-valerio-e-estela.pdf. Acesso em: 15 de abril de 2022.

MALLARD, Letícia. 110 anos de crítica literária. Disponível online no endereço: http://www.academia.org.br/abl/media/RB52%20-%20PROSA-03.pdf. acesso em 30 de setembro de 2008.

MELLO, J. C. Jane Austen e o uso da ironia na literatura inglesa. Disponível online: https://litcult.net/2016/08/03/jane-austen-e-o-uso-da-ironia-na-literatura-inglesa-janaina-cardoso-de-mello/. Acesso em: 15 de abril de 2022.

MORRISON, R.; AUSTEN, J. Persuasion – An Annotated Edition. Cambridge: The Belknap Press of Harvard University Press. 2011.

PRIMI, J. Mulheres de Machado. Condição feminina nos romances da primeira fase de Machado de Assis. Disponível em: http://www.filologia.org.br/machado_de_assis/Mulheres%20de%20Machado.%20Condi%C3%A7%C3%A3o%20feminina%20nos%20romances%20da%20primeira%20fase%20de%20Machado%20de%20Assis.pdf. Acesso em: 15 de abril de 2022.

RAMICELLI, M. E. Stages of modernity in perspective: Jane Austen’s Pride and prejudice and José de Alencar’s Senhora. Acta Scientiarum. Language and Culture, v. 41, n. 2, p. e45472, 1 out. 2019.

REEF, C. Jane Austen: Uma Vida Revelada. São Paulo: Novo Século. 2014.

SALES. A. S. Jane Austen Circulando no Brasil no Século XIX. Belo Horizonte: Revista LiteAusten. Ed. 02. 2017. Disponível em: <https://janeaustenbrasil.files.wordpress.com/2018/04/literaustennumero02-2017.pdf>.  Acesso em: 15 de abril de 2022.

SANTOS, A. F. P. Aurélia Camargo e Elizabeth Bennet: Um diálogo entre protagonistas femininas de José de Alencar & Jane Austen. Disponível em:  https://www.ileel.ufu.br/anaisdosilel/wp-content/uploads/2014/04/silel2013_1944.pdf. Acesso em: 15 de abril de 2022.

SOUSA, D. P. A.; DIAS, D. L. F. Quando a Mulher Começou a Falar: literatura e crítica feminista na Inglaterra e no Brasil. In: Gênero na Amazônia, Belém, n. 3, jan./jun., 2013, pp.143-168. Disponível em: http://www.generonaamazonia.ufpa.br/edicoes/edicao-3/Artigos/Artigo7-Dignamara%20e%20Daise.pdf, Acesso em: 18 de agosto de 2016.

SOUZA, E.Z. A sociedade e as personagens femininas em Machado de Assis. Disponível em: https://app.uff.br/riuff/bitstream/handle/1/9688/PDF-UFF-EstudodeLiteratura-Dissert-EloisaSouza-2013.pdf;jsessionid=541B16AD0B181496F91B2CCE806A29A4?sequence=1. Acesso em: 15 de abril de 2022.

STEINER, E. K. Jane Austen: Northanger Abbey/Persuasion. New York: Palgrave, 2016.

TANDON, B.; AUSTEN, J. Emma – An Annotated Edition. Cambridge: The Belknap Press of Harvard University Press. 2012.

VASCONCELOS, S. G. T. O gume da ironia em Machado de Assis e Jane Austen. Machado de Assis em Linha, Rio de Janeiro, v. 7, n. ju/dez. 2014, p. 145-162, 2014. Disponível em: < http://dx.doi.org/10.1590/S1983-68212014000200010 > DOI: 10.1590/S1983-68212014000200010.

VASCONCELOS, S. G. T. O Gume da ironia em Machado de Assis e Jane Austen. Machado Assis Linha [online]. 2014, vol.7, n.14, pp. 145-162. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/mael/v7n14/1983-6821-mael-7-14-00145.pdf, Acesso em: 11 jul. 2015.

WORSLEY, L. Jane Austen at Home – A Biography. New  York: St. Martin’s Press. 2017.

ZARDINI, A. S. O Universo Feminino nas Obras de Jane Austen. Revista EmTese. Belo Horizonte: UFMG. V. 17. N. 02. 2011. Disponível em: <http://www.periodicos.letras.ufmg.br/index.php/emtese/article/view/3731>. Acesso em: 15 de abril de 2022.

Minicurso ‘Persuasion’ de Jane Austen


Inscrições aqui. Inscrições até 04 de julho de 2022.

MINICURSO PERSUASÃO DE JANE AUSTEN

Ministrante: Profa. Dra. Adriana Sales

PLANO DE CURSO

Ementa: Apresentar o panorama da vida e obra de Jane Austen, escritora inglesa do século 19. Analisar e discutir a obra “Persuasão”, último romance completo escrito por Austen, publicado após sua morte em 1817. Analisar e discutir as adaptações fílmicas de “Persuasão” para a televisão, bem como a mais recente adaptação feita para o portal de ‘streaming’ Netflix, em 15 de julho de 2022.


Objetivo: Conhecer alguns fatos sobre a vida de Jane Austen e um pouco sobre a sua obra “Persuasão”. Discutir sobre as adaptações dessa obra para outras mídias.


Conteúdo programático e cronograma:

Aula 1 – 05/07/2022

Introdução e cronograma do curso
Panorama sobre a vida e obra de Jane Austen
Principais características de Persuasão (personagens, enredo, status social, influência da marinha inglesa)


Aula 2 – 12/07/2022

Análise de Persuasão
Análise das adaptações para a televisão (1971 e 1995)

Aula 3 – 19/07/2022

Análise das adaptações para a televisão (2007)
Análise da nova adaptação para o portal Netflix (2022)


Metodologia: Aulas síncronas às terças-feiras do mês de julho de 2022, das 20:00 às 21:30 (Google Meet), com exposição e discussão do conteúdo programático. Leituras compartilhadas através do Google Classroom da turma. Acesso aos textos e materiais do curso, antes das aulas síncronas, para leitura prévia.

Avaliação: Frequência e participação nas discussões e atividades propostas no curso.

Referências:

AUSTEN, J. Persuasão. São Paulo: Martin Claret, 2018.

AUSTEN, J. Persuasion. New York: Oxford University Press, 2004.

BLOOM, H. (Ed.) Bloom’s Modern Critical Interpretations – Jane Austen’s Persuasion. New York: Chelsea House, 2004.

LE FAYE, D. Jane Austen – The World of Her Novels. New York: Frances Lincoln Limited, 2002.

SIMONS, J. Macmillan Master Guides – Persuasion by Jane Austen. London: Macmillan Education, 1987.

MORRISON, R. Persuasion – An Annotated Edition. Cambridge: The Belknap Press of Harvard University Press, 2011.

SHAPARD, D. M. The Annotated Persuasion – Jane Austen. New York: Anchor Books, 2010.

SPACKS, P. M. Persuasion – Authoritative Text Backgrounds and Contexts Criticism. New York: W. W. Norton & Company, 1995.

Sobre a ministrante do curso:
Adriana Sales é Doutora em Estudos Linguísticos pela Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais. É professora de inglês e suas literaturas no Ensino Médio e Graduação em Letras do Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (CEFET-MG). É especialista em Jane Austen pela Universidade de Oxford (2010). É fundadora e presidente da Jane Austen Sociedade do Brasil desde 2008.

E-mail: janeaustensociedadedobrasil@gmail.com
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/44023205974506

INSCRIÇÕES AQUI.

Curso Escritoras Inglesas – Bibliografia

Em nosso curso Escritoras Inglesas dos séculos XVIII e XIX, vamos estudar uma autora e uma obra de cada. Como é um um curso de introdução ao universo da literatura inglesa de autoria feminina, o objetivo é apresentar uma biografia e uma análise de um capítulo de livro das escritoras selecionadas para o curso. Serão distribuídos gratuitamente para todos os alunos um pdf de um capítulo das obras, gentilmente cedido pelas editoras Pedra Azul e Martin Claret. Ainda dá tempo de fazer sua inscrição, clique aqui. Vagas Limitadas!

Como parceria deste curso, a editora Nova Fronteira irá ofertar livros para sorteio entre nossos alunos e seguidores do Instagram. Fiquem atentos!

Cronograma:

28/03/2022 Apresentação do curso, introdução às escritoras inglesas

04/04/2022 – Hannah More

11/04/2022 – Mary Woolstonecraft

18/04/2022 – Frances Burney

25/04/2022 – Jane Austen

02/05/2022 – Mary Shelley

09/05/2022- Elizabeth Gaskell

16/05/2022 – Charlotte Bronte

23/05/2022 – Emily Bronte

30/05/2022 – Anne Bronte

Anne Bronte – Curso Escritoras Inglesas


No curso Escritoras Inglesas em Destaque, vamos estudar a vida e obra de 9 escritoras inglesas, ao longo de dez semanas de curso! Detalhes e links aqui.
Anne Bronte (1820 – 1849) foi poetisa e romancista britânica, a mais jovem da família literária Bronte. Entre os seus escritos, seu livro mais famoso é A Inquilina de Wildfell Hall.

 #annebronte #escritorasinglesas #janeaustenbrasil #janeaustensocietyofbrazil #janeaustensociedadedobrasil #jasbra #thejaneaustenleague #janeaustenironica #literausten

Apoio de Editoras – Curso Escritoras Inglesas

O curso Escritoras Inglesas dos Séculos XVIII e XIX (clique aqui para maiores detalhes) conta com a parceira das editoras Pedra Azul, Martin Claret e Nova Fronteira!

Nossos alunos receberão gratuitamente um capítulo de cortesia de cada escritora estudada! A cada semana estudaremos uma escritora inglesa e uma de suas obras – as editoras Pedra Azul e Martin Claret oferecerão para os nossos alunos inscritos de forma gratuita.

Já a editora Nova Fronteira irá sortear entre os alunos e entre os seguidores do nosso Instagram uma coleção de livros das escritoras! Fiquem atentos às nossas publicações! Nosso perfil no Instagram, clique aqui.