Exposição de livros que foram lidos por Jane Austen

Godmersham Park Library
Segundo informação de @pemberleydotcom via Twitter, nos dias 7 e 8 de outubro de 2010 será realizada a exposição Jane Austen’s Reading at Chawton and Godmersham Park, que irá mostrar uma coleção de livros que Jane Austen leu entre os anos de 1809 e 1917, em especial, livros que pertenceram à Godmersham Park Library, em Kent, cujo dono era Edward, irmão da escritora.
Chawton House Library
Os livros pertencem agora à Chawton House Library (antiga Chawton Great House – um solar elisabetano a cinco minutos de Chawton House – onde Edward e seus filhos passavam o verão), e por somente três dias estarão expostos em Godmersham Park, juntamente com uma série de manuscritos. Haverá, ainda, no dia 9 do mesmo mês, três palestras que terão como temas os livros que a escritora leu, a história dos pocket books e os leitores de Jane Austen que viveram de 1811 a 1945.
O flyer em inglês da exposição pode ser visualizado aqui.
Anúncios

Artefatos raros em Winchester

Artefatos raros da vida de Jane Austen, incluindo poemas escritos à mão e as primeiras edições de seus livros, estão em exposição em Winchester.

A Catedral de Winchester, onde a escritora está sepultada, começou um a exposição que vai até dia 20 de setembro. Sendo o primeiro de uma série de eventos em comemoração do bicentenário da morte de Jane Austen em 2017.
A exibição, ao lado de sua sepultura, mostra poemas escritos por Jane Austen sobre sua amiga Mrs Lefroy, as primeiras edições de Emma em três volumes de 1816, além de Northanger Abbey e Persuasion publicados juntos em 1818. Está também na exposição a nota escrita à mão pelo irmão de Austen, Henry, com as orientações sobre a inscrição que se encontra hoje no túmulo de Jane Austen.
Os poemas e a nota escrita por Henry pertencem à Winchester College. Esses artefatos nunca sairam da faculdade desde que foram doados à instituição na década de 30.

Austen no Modern Library & Museum

Retrato idealizado de Jane Austen (anônimo do século XIX)
Art Tattler é uma página que apresenta imagens das principais exposições que ocorrem nos museus dos Estados Unidos. Há, inclusive, uma parte dedicada ao Morgan Library & Museum, onde ocorre atualmente a exposição A Woman’s Wit: Jane Austen’s Life and Legacy, já comentada aqui no blog. Abaixo, algumas imagens que selecionei da exposição:

Cena de Orgulho e Preconceito, por Isabel Bishop (1902-1988)
Retrato de Mrs. Q, pintado pelo poeta inglês William Blake (1757-1827). Quando Jane Austen viu o retrato em Londres, disse que era exatamente assim que imaginava Jane, a irmã de Elizabeth Bennet em Orgulho e Preconceito
Carta de Jane para sua irmã Cassandra, datada de 2 de junho de 1799

Carta de Jane para Cassandra, em 2 de junho de 1799

Carta de Jane para Cassandra, com data de 8-9 de fevereiro de 1807. Repare que, para economizar papel, Jane escrevia verticalmente por cima do que já havia escrito.

Escrita pela própria Jane Austen em 1817, a lista acima mostra os lucros obtidos através de seus romances

Carta de Cassanda para a sobrinha Fanny Knight falando sobre a morte de Jane, datada de 20 de julho de 1817: “Perdi um tesouro, uma irmã e amiga como nunca mais voltarei a ter”

Exposição em Nova York

Quem tiver a oportunidade de visitar, lá em Nova York, a exposição da The Morgan Library, não perca tempo! A exposição é sobre a nossa querida Jane: Jane Austen’s Life and Legacy (Jane Austen vida e legado). Em exposição desde o dia 06 de novembro até 14 de março de 2010.

 O post de hoje é uma sugestão da Poliana! thanks dear!

Só de assistir a exibição on line da exposição na Morgan Library, já se percebe ser uma experiência única entrar em contato com o universo de Austen, mais ainda poder ver de perto seus manuscritos, ler suas cartas pessoais, conhecer, enfim, seus pensamentos e como ela percebia o mundo ao seu redor.

Como bem observou um dos entrevistados, no vídeo dedicado à exposição, até mesmo uma lista de compras de Austen deve ser interessante de ler, pois mesmo suas cartas pessoais, seus comentários, conselhos, pensamentos, tudo o que ela escrevia, à irmã Cassandra e à sobrinha Fanny, em especial, eram de uma profundidade e uma perspicácia quanto ao comportamento e sentimentos humanos que mereceriam ser publicados, tal qual uma obra literária propriamente dita. E isso o que mais me impressionou, ao assistir on line a exposição.

Também, não há quem não ressalte a inteligência e a elegância de Austen, o que se pode ver até mesmo por sua caligrafia.

É de tirar o fôlego, enfim. E só digo que gostaria imensamente de ter sido um dos privilegiados que puderam efetivamente pegar os manuscritos de Jane e lê-los, para sentir – usando as palavras de um desses privilegiados – a experiência de escrevê-los, transportando-se, pois, para o corpo, a visão e a percepção de Austen.

Assista ao vídeo The Divine Jane – reflections on Austen:
 

A exibição online é dividida em três seções:
1) O filme acima
2) Um facsimile de Lady Susan
3) Algumas imagens
A programação até março é intensa, e só morando em Ny para poder acompanhar. Devo comentar, com um pouco de raiva: Porque esse tipo de exibição não ocorreu enquanto eu estudava lá? 😦
Programação:
Gallery Talk – A Woman’s Wit: Jane Austen’s Life and Legacy

Friday, November 20, 7 p.m.

Family Program – Winter Family Day Celebration
Sunday, December 6, 2–5 p.m.

Lecture – A preview of MASTERPIECE Classic’s Emma
Wednesday, January 20, 2010, 6:30 p.m.

Film – Pride and Prejudice
Sunday, January 24, 2010, 2 p.m.

Lecture – From Gothic to Graphic: Adapting Jane Austen Novels
Tuesday, January 26, 2010, 6:30 p.m.

Reading Jane Austen
Pride and Prejudice – Wednesday, January 27, 2010, 3–4:30 p.m.
Emma – Wednesday, February 10, 2010
Persuasion – Wednesday, February 24, 2010

Film
Sense and Sensibility – Friday, February 12, 2010, 7 p.m.

Gallery Talk
A Woman’s Wit: Jane Austen’s Life and Legacy
Friday, February 26, 2010, 7 p.m.