Afinal, adaptação ou inspiração?

Em uma discussão com Pollyana Coura (que também publica aqui no blog da JASBRA), decidimos tentar explicar as diferenças entre adaptação e inspiração. Muitas pessoas me perguntaram nas redes sociais sobre essa diferença.

Para Polllyana Coura, no campo artístico, a linha que divide adaptação de inspiração é bastante tênue. Um artista pode adaptar a obra de outra artista e esta nova obra tomar uma forma completamente distinta da original. No entanto, como o foco é a nova novela das 6, vamos traçar estas diferenças de maneira mais objetiva e sucinta. Quando um filme, série ou novela diz ser uma adaptação de um livro, significa que o público pode esperar uma obra mais fiel à história original, acompanhando esta história mais de perto e mantendo mais claramente elementos da obra original. Desta forma, quando um filme, série ou novela é inspirado em um livro (ou no caso, livros), fidelidade à obra original não deve ser exigida, sendo que apenas elementos da obra original serão utilizadas, podendo haver mudanças pontuais. Pra efeitos de comparação, diríamos que a série “Orgulho & Preconceito” (BBC) de 1995, seria uma adaptação do livro, enquanto o “Diário de Bridget Jones” seria inspirado no livro.

Eu acredito que por se tratar de uma produção INSPIRADA em Jane Austen, não há como ser totalmente fiel aos livros que foram escolhidos como fonte de inspiração. Veja aqui uma analise sobre adaptações para o cinema e televisão, para você entender melhor do que se trata a novela. E leia aqui sobre novelas que buscaram inspiração na literatura.

casais

Anúncios