Razão e Sensibilidade para Adolescentes

Como é de conhecimento de alguns fãs de Jane Austen, aqui no Brasil foi lançado em 1997 uma versão traduzida e adaptada para o português por Lidia Calvalcante-Luther direcionada para adolescentes. O livro é possui apenas 102 páginas e a estória das irmãs Marianne e Elinor acontece rapidamente. Não estou dizendo que foi uma tradução e adaptação ruim, estou apenas dizendo que a autora conseguiu sintetizar tudo em tão poucas palavras e páginas!

Lidia Cavalcante-Luther é Pernambucana, nascida em São Bento do Uno. Possui diplomas de Bacharel e Licenciatura em Letras, morou alguns anos na Inglaterra e depois na Alemanha. Na época do lançamento deste livro, a autora era casada com um alemão e morava em Tulsa, nos Estados Unidos.

Esta adaptação de Razão e Sensibilidade traz algumas ilustrações engraçadas. Creio que para a época (há 12 anos) o mercado talvez não exigia capas mais elaboradas. Se fosse hoje em dia, depois de Harry Potter e Crepúsculo, creio que a Scipione teria que mudar seus conceitos de capas. Além disso, devem pensar que hoje os adolescentes leêm livros de 300 a 400 páginas com facilidade! É bom ressaltar que ao me referir aos adolescentes estou falando dos meus sobrinhos e alunos.

Curioso nesta edição é que não fizeram desenhos do Coronel Brandon! Justo ele? Por sua vez, o Edward Ferrars só aparece de perfil e sem detalhes como os olhos, o danadinho do Willoughby é o único que é tem os olhos, mas mesmo assim é apresentado de perfil. As heroínas são as mais divertidas! Elinor está sempre séria e Marianne é bem gordinha e fofinha! Em alguns desenhos ela parece ser uma criança!

Elinor se decepciona ao saber que Edward está comprometido com Lucy.

Elinor consola Marianne.

Os homens do livro: Perfil de Willoughby (figura à esquerda) e Perfil de Edward (figura à direita).

Anúncios

3 thoughts on “Razão e Sensibilidade para Adolescentes

  1. Elaine 12/02/2009 / 11:36 PM

    Ruim essas ilustrações, não gostei. Além da ausência do Coronel Brandon (imperdoável, em minha opinião), ainda há um erro crasso de vestimenta no primeiro desenho. A moça de sombrinha está usando um modelo vitoriano, enquanto a história se passa na Era da Regência.

    Gostar

  2. Adriana Zardini 13/02/2009 / 11:48 AM

    Elaine você tá falando da saia com anca? Talvez eles resolveram misturar tudo e colocar os estilos da regência com a era vitoriana, achando que fosse tudo uma coisa só. Com certeza faltou pesquisa não é mesmo?Mas também pudera, em 1997 será que havia algum tipo de controle a respeito da ilustrações estarem de acordo com as versões?SEndo um pouco sarcástica, talvez quiseram fazer uma versão mais moderna das vestimentas… huahuahua

    Gostar

  3. Elaine 13/02/2009 / 9:58 PM

    Em 1997, já havia o filme “Razão e Sensibilidade” da Emma Thompson. Custava o(a) ilustrador(a) fazer uma pesquisinha básica antes de desenhar?É, talvez quiseram atualizar a história um pouco… passando-a para final do século XIX! kkkkk

    Gostar

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s